A história do Museu do Louvre

 

Foto do Palácio do Louvre. A história do Museu do Louvre
Palácio do Louvre. A história do Museu do Louvre

A história do Museu do Louvre começa no final do século XII quando começou a ser construído o prédio em que funciona.

O edifício foi construído para ser uma fortaleza para defender a cidade de Paris. Os restos da fortaleza são visíveis até hoje no porão do museu.

Leia sobre Palácio da Guanabara

Com o passar dos anos e o crescimento de Paris, a fortaleza foi perdendo sua função de defesa e se tornando cada vez mais um palácio, até virar o Palácio do Louvre, como é conhecido atualmente.



Continua após publicidade:

Em 1546 se tornou a residência oficial do Rei da França, sendo ampliado e ganhando o visual que conhecemos hoje.

Em 1682, o rei Luís XIV decidiu mudar sua residência oficial para o Palácio de Versalhes, deixando o Louvre como um lugar para guardar as coleções reais de arte.

A história de um barão negro

Após a revolução francesa, em 1793, o palácio se tornou um museu e cresceu cada vez mais sua coleção até se tornar um dos maiores museus de arte do mundo.

Atualmente o Louvre, com seu prédio histórico e museu fascinante, é um dos principais pontos turísticos da cidade de Paris, contando um pouco da história da cidade, da França e do mundo.


Compartilhe o texto:


Siga o Pensopinando nas redes sociais:

Facebook. A história do Museu do Louvre.Twitter. A história do Museu do Louvre.

Assuntos que podem te interessar:

Nenhum comentário:

Postar um comentário